segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

I Must Be Dreaming - Parte 9


Lucy, logo saiu no meu quarto me deixando sozinha enquanto eu olhava para o nada pensando no que ela havia dito. Na verdade, acho que ela ficou brava, já que provavelmente ela havia falado algo e eu a ignorei.

Me levantei e fechei a porta - que mesmo sabendo que estava apenas de roupa íntima, Lucy a deixou aberta - E peguei meu notbook para ver se mais algum episódio das séries que eu assistia tinha saído.

- Demi… - Eu ouvi alguém me chamando.
- Sim? - eu respondi destraidamente.
- Você sabe sobre… Uou! - ele disse quando entrou em meu quarto.
- O que Joe? - Eu respondi.
Ele estava me olhando fixamente sem se mexer, como se estivesse virado pedra. Até que lembrei do meu estado.
- Meu Deus, Joseph, bata na porta! - Eu me cobri novamente, dessa vez para me esconder.
- Na verdade eu bati. - Ele disse ainda sem desviar o olhar.
- Joe! - Eu gritei e minha voz saiu mais fina do que eu esperava.
- Eu.. Eu.. - Ele apontou para o corredor e saiu. Deixando a porta aberta.
Me levantei novamente desta vez me cobrindo e fechei a porta me certificando de ter trancado.
Fiquei parada na frente do notbook e com a pagina do google aperta tentando me lembrar sobre o que ia pesquisar.

- Vidas passadas, pesquisar. 
A pagina carregou rapidamente e os resultados apareceram.
- Testes, testes, testes.. Exercícios para se lembrar da vida passada. Assustador mas é esse mesmo - eu dizia comigo mesmo enquanto pesquisava e cliquei no site.

"Fique em uma posição relaxada, deitada é melhor. Você deve algum exercício para abrir seu chakras. Depois disso, uma vez que tiver realmente relaxado, imagine que você esta ficando menor, que seu corpo esta a diminuir. Então imagine que esta do tamanho normal. E agora esta ficando cada vez maior, todo o seu corpo é apenas crescimento. Em seguida novamente ao seu tamanho normal. Cada vez que você for ficando maior ou menor, imagine que você esta indo mais e mais para esse tamanho."

- Isso é loucura. - Eu continuei a ler o texto até o final.

Procurei em mais outras paginas, mas logo desanimei vendo o que o texto era muito longo.
Procurei também no youtube e logo apareceu um documentário que provavelmente serio o que Lucy havia falado. E então eu dei play.
Uma musica daquelas que apareciam naqueles típicos filmes de fantasmas começou a tocar junto com algumas imagens.
Senti uma leve pontada na cabeça e meu coração disparou. Eu tirei o video e fechei o notbook.

- Meu Deus… - Eu cobri meu rosto com as mão esperando eu voltar ao normal.

Me levantei e fui tomar um banho para relaxar.

- Demi, querida, Esta acordada? - Denise me chamou batendo delicadamente na porta do meu quarto.
- Sim.
- Hora da janta querida.
- Já vou.

Desci até a sala de jantar onde todos já estavam sentados, inclusive Nick e Molly que haviam vindo para o  jantar.
E o único lugar que sobrou foi em frente ao Joe, que estava meio estranho e não estava me olhando diretamente.

No final do jantar, todos estávamos conversando animadamente. Eu mexia minha pernas animadamente para frente e para trás, até sentir passar meu pé pela perna de Joe.
Eu o olhei e ele me olhou pressionando o maxilar.
- Vou subir. - Ele disse saindo da sala e ninguém pareceu se importar ou perceber. Apenas por Nick que deu um risadinha leve a disfarçando com uma tossida.

- Nick! - eu pulei para a frente dele.
- Demi! - Ele levantou as mão fazendo uma quase animação.
- Como foi com Miley?
- Pergunte isso a ela - Ele abaixou a cabeça parecendo envergonhado.
- Qual é Nick, conta.
- Nós no beijamos uma vez e conversamos, você viu, tava lá. Mas não sei, não sei se vai dar alguma coisa,
- Certo, seu teimosos… Mas mudando de assunto, o que você sabe sobre Joe?
- Oi?
Eu ri fraco.
- Quando ele saiu da mesa e você riu, sobre o que era?
- Acho que você sabe.
- Sei?
- Sabe, tipo, deixar a porta destrancada e permitir a entrada de um homem em seu quarto estando apenas de langerie, pode despertar algumas coisas neles.
- Você ta querendo dizer que…
Ela confirmou com a cabeça antes que eu terminasse de falar.
- Ok… - Eu sorri forçadamente e subi para meu quarto.

Mesmo sendo cedo ainda, me deitei e sentindo o sono ficar cada vez mais forte.

E por alguns instantes, pensei em fazer o tal exercício que aquele site dizia, então me deitei, relaxei meu corpo, e tentei entrar no tal momento que texto falava.

Aquela escuridão voltou em minha mente e logo voltou.
Eu via um lindo riacho a minha frente com águas cristalinas e várias arvores em volta.
O dia estava lindo com o céu azul e sem nuvens, eu pude sentir o cheiro de suco de morango, e me virei para procurar onde estava. Um homem de cabelos castanhos escuros estava segurando um copo com o tal suco, ele se virou para mim e sorriu.
Ela tinha um sorriso conhecido e encantador.

- Monica! - Eu ouvi de longe - Monica! - A pessoa repetiu.
Me virei para ver quem era e a única coisa que vi foi o homem que estava ao meu lado se levantar e me puxa junto a ele. O homem que me gritava logo chegou perto e grudou em meu braço.
Eu não sabia o que estava acontecendo, ou porque ele me chamara de Monica.
Ele me puxou fortemente e o homem de cabelos castanhos meu soltou dizendo um "Eu te amo" e saindo de perto de mim.

Um forte estrondo me assustou e o cenário mudou para meu quarto. Ele era a estranha mistura do quarto de Londres com o quarto do Brasil, e algumas coisa que pareciam meios velhas e que eu não reconhecia.
Me levantei da cama me sentindo meio tonta e pessada ao mesmo tempo. Sai do quarto e vi a pequena Molly falando alguma coisa que eu não conseguia escutar.
Continuei andando até a a escada e podia sentir Molly vindo atras de mim me chamando. Mas eu não a via direito nem a escutava.
Desci os degraus daquela escada sentindo meus pés pesados como alguém estivesse prendido em algum lugar.
E depois a única coisa que senti foi um forte impacto e tudo ficar preto como das outras vezes. Só que sem voltar.

Escutei pessoas vindo e ficando ao meu lado. Eu os sentia me tocar e chamar meu nome, mas não conseguia me mexer.



                             Continua....





E ai pessoal~~~~~

Então, meu segundo post ~uhu~

E não sei se deu pra perceber, mas eu vou tentar sempre começar de onde eu parei. E se por acaso eu não fizer isso, esqueçam o que eu disse u_u

Comentem o que acharam, se ta bom ou não, se ta confuso sla, só comentem.

E QUANTO MAIS AMOR VOCES ME DEREM MAIS RAPIDO EU POSTO MUAHAHAHA ~~ é sério u_u


                                   Bia :3


14 comentários:

  1. olaaaaaaaaaaaaaaa õ/
    cara, lindo, na boa. A história ta ótima/perfeita ~claro, é Jemi~
    HAAUAHUAHUA parabéns, e posta rápido ):

    ResponderExcluir
  2. Amando o novo rumo da historia, parabéns biaaaaa <3

    cnt kra

    ResponderExcluir
  3. Selinho http://jemi-sixfriends.blogspot.com.br/2013/01/meu-primeiro-selinho.html

    ResponderExcluir
  4. http://perfeitosumparaooutro.blogspot.com.br/2013/01/selinho.html

    ResponderExcluir
  5. Nova seguidora, amei seu blog.. divulga pra mim ?
    http://ficsofjemi.blogspot.com.br/
    se puder, da uma olhada também. Obrigada
    Beeijos

    ResponderExcluir
  6. amei amei amei o capitulo
    posta logo
    pleaseeeee
    Beijos Bia

    ResponderExcluir
  7. GENTE, AMEI!
    Please, você escreve muito bem, muito bem mesmo *-*
    Eu to ficando com medo ... KKKKK'
    e confusa, mas to entendo KK'
    Nossa, posta logo eu to curiosa
    beso :*
    by: Milena S.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Amaaaaaaaaando LOUCAMENTE sz
    Posta logo Fêh Diva de nossas lifes kk
    beeeeijos

    ResponderExcluir
  10. Selinho para você
    http://jemi-forever-in-my-heart.blogspot.com.br/2013/02/selo-novo.html, ei pode divulgar minha fic?

    ResponderExcluir
  11. heeey dá uma passadinha neste blog aqui http://jemiforever-gaabsmusso.blogspot.com.br/ nova fanfic :33

    ResponderExcluir

nandinha aqui agradece fervorosamente a todos os comentarios lindos e não lindos que vocês deixam aqui. amo vocês xuxus voltem sempre <33333